Livros

PES

Este livro marcou minha vida cristã de uma forma especial. A escritora descreve nossa caminha cristã de uma forma inédita, utilizando como personagens, nossos próprios sentimentos humanos.

É a historia de uma jovem por nome “Grande-Medrosa”, que cansada de viver em angustia e humilhação devido aos seus defeitos físicos (aleijada dos dois pés e rosto desfigurado pela boca torta o que lhe dificultava a fala), decide livrar-se completamente de suas deficiências e tornar-se bela, graciosa e forte, como tantos outros que estavam a serviço do Pastor.

Nessa caminhada o Pastor sugere que ela seja acompanhada por Tristeza e Sofrimento. A principio Grande-Medrosa não compreende o porque dela ter que ser acompanhada por essas amigas, porém obedece e, com elas, inicia sua jornada.

Logo na partida, o Pastor planta em seu coração a semente do Amor; quando essa semente floresce, Grande-Medrosa se sente mais fortalecida para vencer diversos personagens (Covardia, Orgulho, Amargura) que surgem em seu caminho, tentando impedí-la de continuar.

O Pastor a guia pelo deserto, pelo mar da solidão, pelo desfiladeiro da injuria, nas florestas do perigo e da tribulação, no vale da privação até chegar ao lugar da unção, onde ela se rende totalmente ao Amor real e recebe um novo nome: Graça e Gloria. Suas companheiras Tristeza e Sofrimento também se transformam em Paz e Alegria.

Terminada a jornada, Grande-Medrosa, agora como Graça e Gloria, se sente encorajada a voltar ao Vale da Humilhação, para contar aos seus parentes todos os detalhes da sua viajem aos Lugares Altos.

Recomendo pois é uma leitura agradável, contagiante e também muito edificante.

“O Senhor Deus é a minha fortaleza, e faz os meus pés como os da corça, e me faz andar altaneiramente.” (Habacuque 3:19)

Leia a sequencia dessa historia no segundo livro da escritora Hannah Hurnard:  “A Montanha das Especiarias“.

Hannah Hurnard (1905-1990), autora destes livros maravilhosos, foi escritora renomada e missionaria em Israel por cinquenta anos.

Por Sonia Valerio da Costa

Em 08/07/2012

Veja comentários de outros livros em: Índice de Outros Livros

barrabênçao

Livros

deixe

Sempre que vou a uma livraria acabo comprando mais livros do que planejava. Foi assim que encontrei este livro que, de tão interessante, consegui lê-lo em duas manhãs.

A autora Marie Forleo foi muito feliz quando teve a inspiração de escrever este livro pois, como ela mesma diz, ele tem um diferencial em comparação aos outros que falam sobre relacionamentos. Nele não encontramos regras, mas conselhos práticos em como despertar nossa verdadeira personalidade e expressá-la sem medo de ser feliz. Simplesmente precisamos “fazer a coisa certa”.

Seu título pode deixar os homens um tanto constrangidos, mas para nós, mulheres, desperta nossa curiosidade, pois sempre fazemos de tudo e mais um pouco, para agradar o homem que amamos.

O cerne da questão de relacionamentos desfeitos é que muitas pessoas acabam demonstrando uma personalidade irreal, simplesmente para conquistar a pessoa dos seus sonhos; esse tipo de comportamento gera a necessidade de viver uma vida de mentiras que, com certeza, um dia irá desmoronar e provocar o término da relação, na maioria das vezes, de forma bastante traumática. Quem ainda não ouviu a expressão “não estou te conhecendo” ou “você não é a pessoa com a qual me casei”?!.

Geralmente são as mulheres que mais “pecam” nesse sentido, pois pensam que fingindo o que não são, irão conseguir segurar o relacionamento por toda uma vida. Esse tipo de atitude gera a infelicidade, o que vai aos poucos minando a relação; se houver filhos, ficarão divididos entre o pai e a mãe, comprometendo até mesmo o desenvolvimento de suas personalidades.

Precisamos entender que é melhor ficarmos sós, do que tentar fingir o que não somos, simplesmente para conseguir um companheiro(a), por medo de “sobrarmos” na conquista do amor. Na maioria das vezes vale a pena esperar por alguém que tenha maior afinidade e compatibilidade com nosso temperamento, personalidade, comportamento e costumes.

Devemos lembrar sempre que cada qual com seu igual. Isto vale também para os homens que sairam de um relacionamento conturbado e por medo de ficarem sós, acabam se precipitando e se envolvendo com a primeira pessoa que aparece, simplesmente por carencia afetiva e necessidade sexual.

Nossas emoções podem nos trair e nos levar por caminhos sem volta o que nos fará perder boa parte de nossas vidas, devido a necessidade de termos que resolver os problemas que nós mesmos criamos.

Dois dos pensamentos inseridos no livro e que me pareceram bastante significativos:

“Se você julga as pessoas, não tem tempo para amá-las.” (Madre Teresa)

“Se o sapato não serve, devemos trocar o pé?” (Gloria Steinem, jornalista e escritora)

Recomendo a leitura deste livro, pois irá ajudar a salvar seu relacionamento, ou também prepará-la para não cometer mais êrros quando surgir uma próxima oportunidade no amor.

PS: A 2ª edição de 2011 contem um depoimento de Maria Melilo, vencedora do BBB 11, que também teve a oportunidade de ler esse livro enquanto participava desse reality show. Veja em Deixe os Homens aos seus Pés.

Acesse também:

make every man want you

Marie Forleo

 

Por Sonia Valerio da Costa

Em 18/08/2011

Veja comentários de outros livros em: Índice de Outros Livros

Livros

queima

Quem tiver a oportunidade de ler este livro, pode-se considerar um privilegiado, pois seu conteúdo é uma verdadeira revelação divina para que possamos viver uma vida equilibrada, tanto física, quanto espiritual, social e também emocional.

Sua leitura nos leva a conhecer melhor as estratégias de guerra do nosso adversario para que ele não consiga nos estagnar e nos manter limitados em nossas atitudes e sentimentos. Temos arquivos em nossas mentes que precisam ser queimados para que não venham a servir como munição do inimigo para nossa própria destruição.

O Pr. Ubirajara apresenta diversas atitudes que devemos ter diante de tudo o que nos incomoda emocionalmente e nos orienta como podemos encontrar libertação queimando os arquivos indesejáveis gravados em nossas mentes. Ele nos fala sobre a prática do perdão que é uma arma eficaz, capaz de desmontar algumas das mais perigosas ciladas do inimigo, que sempre busca provocar nossos instintos naturais, com o fim de nos fazer pecar.

Uma das maiores lutas do ser humano é combater a dor, porém ela deveria ser considerada como uma grande amiga e aliada nossa e não como uma inimiga. Sua presença serve para nos alertar que alguma coisa está nos prejudicando, interna ou externamente, física, emocional, espiritual ou mesmo emocionalmente.
A dor queima como fogo, o que na realidade é uma bênção de Deus, pois queima apenas a palha e não os metais nobres. Ela nos encoraja a aceitar que nossos arquivos inuteis sejam queimados.

Outro assunto abordado neste livro é sobre os nossos chacras; a explicação apresentada muito contribuiu para que eu pudesse compreender melhor a respeito desse assunto ainda cercado de misterios.

Recomendo a leitura deste livro, pois com certeza irá enriquecer seu conhecimento nas áreas de libertação, cura e verdadeira comunhão com Deus.

Veja mais em Queima de Arquivo

Boa leitura!

Sonia Valerio da Costa
Em 03/08/2011
Veja comentários de outros livros em: Índice de Outros Livros
barrabênçao